TPL_GK_LANG_MOBILE_MENU
A+ A A-

Deprecated: Non-static method Joomla\CMS\Application\SiteApplication::getMenu() should not be called statically, assuming $this from incompatible context in /home/gwcomuni/public_html/templates/gk_news/lib/framework/helper.layout.php on line 181

Deprecated: Non-static method Joomla\CMS\Application\CMSApplication::getMenu() should not be called statically, assuming $this from incompatible context in /home/gwcomuni/public_html/libraries/src/Application/SiteApplication.php on line 275

Pai de Suziene desmente boatos de ligação da adolescente com jogo da baleia azul Destaque

Pai de Suziene desmente boatos de ligação da adolescente com jogo da baleia azul

O jogo viral que teve sua origem na Rússia, chegando ao Brasil desafiando jovens com propostas macabras, tem trazido preocupação a uma família cristalinense.

O sinistro “jogo”, o qual propõe que os envolvidos (geralmente adolescentes) tirem fotografias assistindo a filmes de terror, automutilem, fiquem doentes e ao final, suicidem, chegou à Serra dos Cristais por meio de um terrível boato. Pelo menos é o que afirma a adolescente Suziene Nunes Gonçalves, de 17 anos. Após a postagem de um conhecido da garota em uma rede social a respeito do assunto, e que a jovem respondeu nos comentários. Suziene viu sua vida transformar em um verdadeiro inferno.

Nos grupos de Wahtsapp, começaram a circular na noite de sábado (23/04), a informação de que ela (Suziene) estaria participando do jogo, e que seu desafio seria distribuir 30 balas envenenadas para 30 crianças nas portas das escolas. Pronto, a questão tomou proporção descomunal, ao ponto da jovem estar sendo ameaçada de linchamento. Também, pelas redes sociais. À nossa produção, a vítima relatou que, durante as últimas horas, chegou receber diversas ameaças de morte.

Diante da situação, conversamos com o pai de Suziene, o auxiliar de empresa Solano Nunes Gonçalves (40). Que ao GW, afirmou que jamais deixaria a filha participar de algo neste sentido. E que a mesma, não é  capaz de ser induzida a uma situação desta natureza, sendo que tudo não passa de um mera brincadeira de mal gosto e preocupante ao mesmo tempo, afirmou Solano Nunes – (veja vídeo nesta matéria).   

Já para a adolescente, tudo começou ao ser mal interpretada por citar nas redes, uma  outra espécie de “jogo”, que conforme a mesma, não possui nenhuma relação com o da Baleia azul.  “Estou com medo até mesmo de sair de casa, de ir à escola.” Afirmou a jovem.

Durante a reportagem, o GW Comunicação contou com o apoio e acompanhamento da Conselheira tutelar Eliana Pereira da Silva, que orientou aos pais de Suziene, que diante de tamanha proporção tomada frente aos boatos, que estes registrem imediatamente uma ocorrência policial.

Acompanhe agora, a fala do pai da jovem, Sr. Solano Nunes Gonçalves.   

Última modificação emDomingo, 23 Abril 2017 21:14
voltar ao topo
Info for bonus Review William Hill here.