Menu
RSS

Não nos misturamos em balaio de gato, diz Pessedista em Cristalina Destaque

Não nos misturamos em balaio de gato, diz Pessedista em Cristalina

Não nos misturamos em balaio de gato, diz Pessedista em Cristalina

Com uma longa palestra sobre sustentabilidade e prestação de serviços, proferida por uma Organização Não Governamental – (ONG), teve início a primeira reunião “política” da Coligação Cristalina Sustentável. Sustentada hoje, por 09 partidos (PSD / PTB / PSC / PSDC / PT / PPL / PC do B / PR e  SD).

Após apresentação dos candidatos ao cargo de vereador e explanação do Plano de Governo, foi a vez dos nomes majoritários dialogarem com os presentes. De primeira mão, Luiz Carlos Attié reforçou apoio a Maks e Edu, garantindo que continuará ao lado dos dois em busca de dias ainda melhores para Cristalina. Para tanto, garantiu que a cidade é hoje, o município mais promissor do Brasil, em especial, no que diz respeito à geração de emprego, explicando que acabara de chegar de Goiânia, onde recebera um veículo, como prêmio pela boa gestão administrativa de Cristalina - “Estamos no caminho certo e só não enxerga aquele que não quer”, rebateu Attié.

Eufórico, Edu Martini relembrou que por muitos e muitos anos milita na política, e que dos seus 50 anos de idade, 30 deles são dedicados a Cristalina. “Tenho trânsito livre na agricultura e mexo com política desde a época em que Gildomar foi prefeito. Tempo aquele em que ele (Gildomar), fez seu único comício sobre uma carreta, a qual eu dirigia.” Reforçou o Petebista. Ainda sobre sua presença na política, Edu Martini disse que sabe que será criticado pelo fato de que no pleito anterior ter sido adversário de Attié, mas entende também que soube perder uma eleição e tocar sua vida, sem revanchismo político ou coisas do gênero. No telão “deles”, Attié, vão aparecer muitas imagens minhas atacando você, mas hoje sei que juntos somaremos para Cristalina e sei também, que onde você coloca suas mãos, tudo vira ouro. Estaremos juntos, rumo à vitória, finalizou o candidato a Vice na chapa com Maks Louzada.

“Cristalina não está à venda.”

Rápido e enfático em suas palavras, Maks Louzada garantiu que possui experiência de sobra para administrar Cristalina. Que aprendeu a fazer política e que não se preocupa com os adversários que propagam ter muito dinheiro para ganhar a eleição, pois Cristalina não está à venda. Temos obras mostradas ao povo e este mesmo povo saberá escolher. São 99 propostas de governo e a proposta de número 100 será a que cada cristalinense nos apresentará no dia a dia. E mais, Edu, nós não nos juntamos, não nos misturamos em balaio de gato, e de lá, o balaio está pronto, discursou o candidato do PSD.

voltar ao topo
Info for bonus Review William Hill here.