TPL_GK_LANG_MOBILE_MENU
A+ A A-

Deprecated: Non-static method Joomla\CMS\Application\SiteApplication::getMenu() should not be called statically, assuming $this from incompatible context in /home/gwcomuni/public_html/templates/gk_news/lib/framework/helper.layout.php on line 181

Deprecated: Non-static method Joomla\CMS\Application\CMSApplication::getMenu() should not be called statically, assuming $this from incompatible context in /home/gwcomuni/public_html/libraries/src/Application/SiteApplication.php on line 275

Primeira reunião entre os Vereadores e o Prefeito Daniel do Sindicato Destaque

Primeira reunião entre os Vereadores e o Prefeito Daniel do Sindicato

1- O Presidente da Câmara Marquinho Abrão apresentou ao Prefeito e demais  Vereadores, como está o andamento do Legislativo. Abrindo a reunião entre os Vereadores e o Daniel DO Sindicato. Marco Aurélio Ribeiro destacou também ter encontrado a Casa de Leis, em uma situação crítica no que diz respeito às finanças e estrutura física.  (Assessoria).

2- Ainda na reunião entre o Legislativo e Executivo, o Vereador Dr. Osório destacou a importância de uma relação afinada entre os 02 Poderes. Reforçou também, a aceitação da Comunidade em relação à operação tapa-buraco, iniciada logo na primeira semana da Nova Administração. (Assessoria) 

3- A Vereadora Cirlene Côrtes enfatizou junto ao Prefeito Daniel do Sindicato, o apoio aos pacientes com necessidade de atendimento de hemodiálise. (Assessoria)

4- Já o Vereador Pablo Magela, também falou da satisfação dos Cristalinenses quanto ao início da operação tapa-buracos. Obtendo do Prefeito Daniel do Sindicato a garantia que o trabalho continuará, inclusive com a ampliação junto com a Secretaria de Saúde e Garagem da Prefeitura, para que a campanha de combate à Dengue seja intensificada e sobre o serviço de roçagem e limpeza urbana já está também em pleno funcionamento. (Assessoria)

5- Vereador Silvano da Silva Leite - "Silvano da Rádio", solicitou de Daniel Sabino Vaz, informações acerca das indicações de pessoas que o apoiaram durante a campanha, e a cobrança de colocações em cargos na Prefeitura. Recebendo do Prefeito, o pedido de calma, em decorrência das dificuldades econômicas do município. Silvano apresentou também, o convite para a reunião na próxima terça-feira, na Agriter, para tratar da criação do Posto Policial na GO 436. (Assessoria)

6- Ainda do encontro entre os Vereadores, Prefeito e Vice, trataram do assunto:  Direção escolar. Onde ficou acertado que, na próxima semana serão realizadas as eleições internas nas próprias unidades escolares, para escolha dos futuros gestores. Quanto à vitória do cargo, caberá ao candidato, conquistar o percentual de 50% mais 1. O Prefeito Daniel Sabino Vaz afirmou que:  "Sobre as eleições para diretores, trabalharemos dentro de um processo democrático. Não será de cima para baixo. Haverá o processo eleitoral, onde as escolas através dos seus servidores votarão na escolha dos seus futuros gestores." (Assessoria)

7- Vereador Marcelo Borges - "Marcelo da Saúde" solicitou do Prefeito Daniel do Sindicato a contratação de um médico ortopedista para Cristalina. Momento em que o Prefeito explicou ao Vereador, a respeito da reestruturação em que passará a Saúde em Cristalina. Com a volta dos atendimentos e urgência e emergência para o Hospital Municipal Chaud Salles. Para o Chefe do Executivo, não haverá fechamento da UPA, mas um novo modelo de atendimento, uma vez que esta custa atualmente aos cofres do município, uma média de 500 mil. Sendo que a mesma não consta de registro no Ministério da Saúde, o que inviabiliza o recebimento de verbas para manutenção da mesma. (Assessoria)

8- Vereador Bernardo Fachinello  questionou sobre a devolução do dinheiro relacionado à inscrição do concurso público lançado na gestão anterior. Sendo informado pelo Prefeito, que em princípio, é preciso tomar pé da situação. E que no entanto, torna-se inviável assumir de imediato, todas as mazelas provocadas e deixadas pelo Prefeito anterior. (Assessoria).

9- Vereador Valdson Tolentino Filho - "Prof. Valdson" destacou junto ao Prefeito Daniel do Sindicato, sua preocupação em relação à queda no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica - Ideb, oriunda da última análise, realizada no ano passado. Para Valdson Tolentino, tal queda na qualidade educacional poderá inviabilizar futuramente o repasse de verbas para a Educação em Cristalina. O Vereador denunciou o também, os casos de má fé do Governo anterior, onde funcionários da Educação chegaram ser lotados / modulados em duas escolas, trabalhando apenas em uma e recebendo salários por carga dobrada.  (Assessoria)

10- Vereadora Luciana Cândida relatou ao Prefeito a necessidade de retomar junto ao Ministério das Comunicações, a parceria para instalar os telecentros no município de Cristalina. Falou ainda sobre a implantação de um posto de saúde avançado no Distrito de Campos Lindos. De Daniel do Sindicato, recebeu a garantia de que o quanto antes, as solicitações serão atendidas.

11- Sobre o Distrito de Campos Lindos, o vereador Marcelo Rocha - "Marcelo da Saúde, ressaltou a necessidade de uma ambulância para aquela região. E ainda, a ampliação de horário no atendimento no Posto de Saúde. Daniel do Sindicato disse que as devidas providências já estão sendo tomadas. (Assessoria)

Leia mais ...

LEGISLATIVO Destaque

LEGISLATIVO

 E os trabalhos na Câmara de Cristalina encontram-se a todo vapor. À frente da Presidência, o Vereador Marquinho Abrão tem conversado com a comunidade, realizado reuniões com os servidores e tomado conhecimento das atividades na Casa de Leis - (GW)

Leia mais ...

ENTREVISTA - SILVANO DA RÁDIO: UM POLÍTICO EM ASCENÇÃO Destaque

ENTREVISTA -  SILVANO DA RÁDIO: UM POLÍTICO EM ASCENÇÃO

Após concorrer por 05 eleições, sendo quatro como candidato a Vereador e uma ao cargo de Deputado Estadual, o paracatuense radicado no bairro DNER, em Cristalina, enfim alcançou o cargo de representante do povo, na Câmara de Cristalina.

Casado com a advogada Ivani Fernandes e pai de Luís Henrique, Silvano da Silva Leite – “Silvano da Rádio” – (PSDB) conquistou nas urnas no último dia 02 de outubro, a marca de 746 votos. Que segundo o mesmo, foram conquistados graças ao apoio da população, que acreditou em sua proposta de melhoria na segurança pública do município.

Garantindo ter sido eleito para realmente estar ao lado da comunidade, Silvano da Rádio diz que ao final de seu mandato, quer deixar seu legado em prol da população. “Se perguntarem aos atuais ou ex-legisladores, qual foi o legado deixado por eles, muitos talvez não saberão nem mesmo responder. Pois de fato não há”, alfineta Silvano da Rádio.

Assim, o vereador que conquistou o 2º lugar no ranking de votos em 2016, falou com exclusividade ao GW. Confira na entrevista a seguir:

GW – Diante de tantas eleições disputadas, o que o fez persistir até vencer ?

VEREADOR SILVANO DA RÁDIO - Disputamos sim, 04 eleições para Vereador e uma para Deputado Estadual.

Nas últimas eleições, a de 2012 por exemplo, chegamos à conclusão de que não adiantava continuar pois a corrupção política era enorme, o povo só votava em troca de benefícios, ou seja se tivesse dinheiro estava eleito, vi candidato que vendeu casas, vendeu não, doou para ter dinheiro na reta final. Vi candidato gastar uma verdadeira fortuna para vereador, sendo que a presidente do meu partido na época - PSDC apoiava outro candidato. Eu estava sozinho, tinha apenas o meu nome - Silvano da Rádio e um par de sapatos, mas graças a Deus fomos bem votado, fui Diplomado 1°. Suplente, o que não adiantou em nada, o egoísmo da vereadora eleita que durante os quatro anos não me permitiu assumir por um mês ao menos.

Cheguei a pensar em desistir, pois não tenho dinheiro para gastar, mas o meu trabalho foi ganhando as ruas, a cada dia o nosso nome foi sendo muito mais conhecido na cidade, e ao conversar com minha esposa e meu filho, eles me incentivaram, onde acabei mudando de partido, indo para o PSDB. E o resultado está aí, fomos eleitos com a menor despesa gasta numa campanha no Brasil R$. 2.282.00 (dois mil duzentos e oitenta e dois reais).

E lembro de um amigo meu que disse, “você só consegue ser eleito se tiver trezentos mil reais.”

 

GW - Até 31 de dezembro, você ainda é pedra.  A partir de 01 de janeiro, torna-se vidraça. Tens consciência da responsabilidade que terás pela frente ?

VEREADOR SILVANO DA RÁDIO - Em janeiro quando tomar posse, passaremos a ser a vidraça e as cobranças virão naturalmente, mas o que a população irá precisar é entender e dar um tempo para que as coisas entrem na engrenagem, mas como Vereador, a população irá ter uma grande surpresa, e irá perceber um homem atuante e principalmente em busca de soluções para muitos problemas da cidade. Minha bandeira foi a Segurança Pública, mas nada nos impede de ir atrás e buscar soluções para Educação, Saúde, Cultura e obras, por exemplo.

GW - Silvano da Rádio pautou uma campanha voltada no combate à violência e em ajudar as pessoas e os bairros. Como pretende desenvolver e aplicar estas linhas de trabalho, uma vez que o cargo de vereador possui suas limitações ?

“Lutarei por uma ajuda de custo para os policiais.”  

VEREADOR SILVANO DA RÁDIO - Em nossa campanha eu não falei em Educação ou Saúde. Falei unicamente da Segurança, estavam ocorrendo em média entre dez a doze assaltos por dia, a zona rural estava perdendo produtores que estavam vindo pra cidade por medo de passar a noite na fazenda.

Levantei esta bandeira, e dez dias úteis após as eleições já fui a Goiânia junto com o amigo e Delegado de Polícia Civil Dr. João Felisbino. Fomos em todos os setores responsáveis pela segurança pública de Goiás, levei comigo ofícios com as nossas demandas, ofícios assinados pelo prefeito eleito Daniel do Sindicato e por mim, Silvano da Rádio.

Nosso pedido foi para a criação de um grupo especializado para investigar os assaltos e roubos na zona rural e na cidade. Pedido aceito e autorizado.

Já com o Coronel Vitor Hugo, comandante do Batalhão Rodoviário foi solicitada a criação de uma base da Polícia Rodoviária Estadual na GO 436 de frente para a AGRITER, que além de apoiar o nosso projeto irá doar a área, ajudar a construir e servirá café da manhã, almoço e jantar para os policiais de serviço.

Vamos solicitar investimentos na Guarda Municipal. Comprar armas letais e não letais, coletes balísticos e novas viaturas que possam permitir o deslocamento em ocorrências. Fazer com que o plano de cargos e salários e o plano de carreira sejam cumpridos, solicitar ao Prefeito, abertura do concurso público para o início do 2°. Semente de 2017.

Vamos buscar o grupo Tático da GCM com motos.

Buscaremos recursos para a retirada do presídio, que hoje está localizado no centro da cidade.  Vamos conversar com o Prefeito e com os demais colegas vereadores para aprovação de uma ajuda de custo para os Policiais Militares e GCMs.

Esta ajuda de custo servirá para custear o aluguel do Policial que vem de fora, por exemplo, e ainda uma produtividade para cada arma apreendida. Isto irá incentivar o trabalho dos policiais, e inclusive muitos outros policiais virão naturalmente para Cristalina. Aumentando portando, o efetivo local. Se conseguir aumentar o número de policiais e com a GCM pronta, Cristalina terá uma das melhores estruturas de segurança pública de todo estado de Goiás.

GW - Por inúmeras vezes, Silvano da Rádio oscilou entre situação e oposição, como pretende ser o relacionamento político do Vereador para com o Executivo, a partir do próximo dia 01 de janeiro ?

“Espero muito poder ser ouvido nesta Gestão e principalmente dar sugestões, espero também não ter problemas.”

VEREADOR SILVANO DA RÁDIO - Sempre seguimos nossa ideia e princípios e muitas vezes, estas ideias se diferenciam umas das outras. Afinal, não há como ser igual, e aí sempre há uma ruptura. Mas espero muito poder ser ouvido nesta gestão e principalmente dar sugestões, espero também não ter problemas, até porque estou mais experiente e a experiência faz a mudança necessária na nossa vida.

GW - Nos bastidores da política e hoje ligado ao PSDB, em especial ao grupo do empresário e articulador João Carlos Fachinello, cujo tem por foco, alianças com o Governador Marconi Perillo. Até que ponto, isto ajuda ou atrapalha ?

VEREADOR SILVANO DA RÁDIO - Estar no PSDB hoje, partido que tem o governo do estado tem suas vantagens, principalmente a condição de você ter as portas do órgãos e Secretarias do estado abertas para você, e principalmente não ter medo de pedir, sei que o governo passa por dificuldades financeiras, e a atos que causam grande repercussão contra o governo, mas isto não nos influência.

GW – Como que nos momentos mais difíceis e nas decepções políticas, o vereador conseguiu superar ?

“A base da vida de um homem é sua família.”

VEREADOR SILVANO DA RÁDIO - A base da vida de um homem é sua família, você pode ficar aborrecido na rua ou no trabalho, mas quando chega em casa lá está sua família, eu tenho uma esposa e um filho e dez irmãos sendo cinco homens e cinco mulheres e um monte de sobrinhos (as)

E a cada decepção política lá estava a família para me receber e incentivar. Adoro, amo muito meus irmãos, e poder proporcionar a eles esta vitória foi muito bom. Maravilhoso mesmo.

GW - Silvano da Silva Leite ainda sente pelo rádio, aquela “cachaça” que vicia e que uma fez dentro de um estúdio e frente aos microfones, jamais se esquece ?  Pretende voltar aos velhos tempos falando aos ouvintes ou com o advento das redes sociais, acredita que consegues suprir os desejos das ondas do rádio ?

“A rádio Líder é uma emissora com os testas de ferro de Luiz Atté.”

VEREADOR SILVANO DA RÁDIO -  Eu adoro o Rádio e espero um dia poder voltar ao ar, mas numa Rádio independente, minhas últimas experiências na Rádio Líder FM, me deixou muito chateado. A emissora pertence ao prefeito Luiz Carlos Attié, mas que tem seus testas de ferro na associação que comanda a Rádio, e por duas vezes mandou me tirar do ar, por medo do meu crescimento, pois como não temos rabo preso, era difícil de conseguir controlar. Em uma das vezes, a diretora da Rádio que inclusive era presidente do meu partido na época, me chamou e disse que como eu não tinha audiência teria que acabar com o programa, ora se eu não tinha salário pago pela Rádio e meu programa era em horário de almoço, e não dava despesas para a Rádio, porque acabar, mas o engraçado era ouvir a secretária da Rádio reclamar que no meu horário o telefone não parava de tocar um minuto.

Então, qual seria o motivo real da minha retirada do ar? Inclusive até o programa do Wilhian Gonçalves e Serafim Goiano chamado Diário Esportivo, também foi tirado do ar sem nenhuma satisfação.

Mas espero poder fazer um projeto diferenciado e até mesmo na TV para 2017.

GW – Ao falar em comunicação, não podemos deixar de fora, as redes sociais. Percebe-se que estas possuem grande influência junto ao eleitor, como comprovado, por exemplo na vitória de Donald Trump, nos Estados Unidos. E que por consequência, foram aliadas do Vereador durante toda sua campanha.  Como pretende lidar com este fator durante seu mandato ? 

VEREADOR SILVANO DA RÁDIO - Com toda certeza, as informações que repassamos à população através dos grupos SR Notícias, deu notoriedade ao nosso trabalho e ao nosso nome, as informações chegam pra nós em tempo real, principalmente quando houve um problema com a operadora OI que dispõe os telefones de atendimento da PM, nestes dias nos recebíamos centenas de ligações, e isto aproximou Silvano da população.

Meu telefone toca até hoje a qualquer hora do dia ou da madrugada. E atendemos a todos, e mesmo de madrugada, buscamos resolver o problema.

E principalmente dinamizar os grupos só com pessoas de vários segmentos como produtores , pecuarista e lojas da mesma área de atuação.

Lojas e comércios da área central, e diversos grupos populares, o detalhe é que não permitimos bate -papo nos grupos, são unicamente para notícias, de vez em quando alguém é removido por não respeitar as regras.

GW – A pergunta que não quer calar, Silvano da Rádio disputará ou não a Presidência da Casa Legislativa em 2017 ?

VEREADOR SILVANO DA RÁDIO - Bom, (demonstra-se confiante)... Por último, a eleição da mesa diretora para o ano de 2017. Estou na disputa. Eu e o Vereador Marquinho Abrão. Estou conversando com meu partido para alinhar algumas coisas.

ARREMATE – 

“Tenho sim, visão de futuro no contexto político.”

Ciumeira dos demais legisladores – “Não sou obrigado a estagnar, assim como eles.”

“Quero e vamos inaugurar o posto policial na GO 436.”

Leia mais ...
Info for bonus Review William Hill here.